Essa é uma das melhores histórias que eu já ouvi na vida.

A FIFA estava insistindo para o Internacional tirar a sua bandeira do Beira-Rio.

Só que, como isso não tinha sido acordado anteriormente, o clube não estava disposto a ceder a esta pressão.

Pois bem, como os representantes da entidade estavam incomodando, o Inter simplesmente sumiu com as chaves do local.

Vou explicar melhor. Como o mastro onde a bandeira fica é gigante, é óbvio que ela não é hasteada manualmente. Existe um motor que faz este trabalho.

Com isso, o Inter simplesmente sumiu com as chaves do local onde fica este motor. Portanto, os funcionários não tem acesso ao lugar.

Com a morte do Fernandão, um funcionário “misterioso” foi até lá e deixou ela a meio mastro. Ninguém percebeu, quando viram, ela já estava assim.

O Inter, literalmente, passou a perna na FIFA.

Porém, em dias de jogos, a bandeira terá que ser a da entidade máxima do futebol.

Centroavante Maurides deixa time principal do Inter e jogará no Sub-23 com Clemer

 

*Foto: Reprodução/Twitter.