• Argel falou aqui na Rádio Bandeirantes. Aqui as principais frases:
  • “Nós permanecemos 8 meses no Vitória. É um tempo considerável, principalmente em se tratando de Brasil”.
  • “Só fui para o Figueirense por uma dívida de gratidão com o presidente”.
  • “Quando conquistamos o Gauchão pelo Inter só perdemos 1 jogo durante toda a competição”.
  • “No futebol você vive de resultado. Isso vale para qualquer treinador”.
  • “Acredito que a minha saída foi ocasionada pela eliminação para o Bahia na Copa Nordeste”.
  • “Sempre vou proteger os meus jogadores e a instituição que eu trabalho”.
  • “Sabe que futebol está ficando chato. Não entendo o tipo de exigência que as pessoas querem”.
  • “O que me tirou do Internacional foram os resultados. Nada mais do que isso”.
  • “Futebol hoje está muito nivelado, equilibrado”.
  • “Quem quiser show no futebol que vá no teatro São Pedro”.
  • “Na verdade, o Inter só jogou na minha mão. Respeito os demais técnicos que passaram pelo clube”.
  • “Pessoas pedem tanto para colocar os garotos da base. Porém, os torcedores não tem paciência. Com os “medalhões”, não é assim”.
  • “Se o planejamento do Inter era apostar na base, não ia ficar enchendo o saco do presidente toda hora”.
  • “Danilo Fernandes não caiu de paraquedas no Inter. Primeira alternativa era o Weverton, do Atlético-PR. Era caro”.
  • “Quero ficar um tempo descansando com a família. Não tenho pressa para definir meu futuro”.

Direção do Inter está disposta a melhorar bastante a vida do seu torcedor