A direção do Grêmio afirma que Miller Bolaños voltou a sorrir após a sua passagem pelo Equador. Foi fundamental para ele ter contato com as pessoas que gosta, consultar um médico de sua confiança e respirar os ares do seu país natal. Melhor ainda, o gringo esta totalmente livre de dores na região do púbis. É claro, ele também não fez esforço algum na última semana e isso ajuda. Por isso, o próximo passo sera colocá-lo pra trabalhar e ver como ele irá reagir aos trabalhos.

O único problema é que o exame de imagem indica que a cirurgia precisa ser feita. Mesmo assim, o desafio dos médicos e preparadores vai ser fazer um tratamento conservador para que Miller Bolaños suporte atuar até o final do ano e só depois passar pela intervenção cirúrgica.

Se tudo der certo, em alguns dias o atacante volta a ser relacionado por Renato Portaluppi.